sexta-feira, 6 de novembro de 2015

ignorãça 2015


ignorãça é o último projeto em que me envolvi, estreiou no início de outubro aqui em Florianópolis e já tem uma agenda cheia com apresentações em várias cidades incluindo Buenos Aires.
Esse é um outro projeto de Jussara Xavier com a turma de montagem do ceart-udesc
mais uma vez, dessa vez junto com esha velloso, (com quem divido esse trabalho)vencemos o edital de figurinos para a montagem teatral 2015, da Udesc.
Para ver um pouco mais desse processo clique aqui e aqui!
Quando assistimos o ensaio aberto, em julho, o cenário, assinado por Roberto Gorgati, já era esse feito só de livros coloridos. Esse cenário perfeito, em nossa opinião, para uma montagem que se baseia no procedimento de manuel de barros nos conduziu a uma simplicidade e singeleza na elaboração dos figurinos. Não queríamos concorrer com o cenário, mas pelo contrário fortalece-lo. 
Nossa proposta: pensar figurinos que remetessem á infância na época do autor, anos 20 e 30,ao mesmo tempo com um material que lembrasse coisa de a brincadeira infantil - roupas de casa, de cama e de mesa. lençois, toalhas de mesa, colchas, cortinas, toalhinhas de renda etc,.
















D E S U S O
As coisas não querem mais ser vistas por pessoas razoáveis: Elas desejam ser olhadas de azul (MB)


F A Z E D O R E S   D E   I N U T I L E Z A S
Concepção e direção Jussara Xavier
Assistência de direção e produção Thaina Gasparotto
Criação, atuação e produção Camila Santaella, Elisa Bayestorff, Erik Cáceres Barbour, Gabrielli Veras, Jean Carlo de Castro, Laura Tellechêa Petrone, Luca Atilio, Maurício Kiener, Mikhael Sanchez, Paulina Godtsfriedt
Criação e fuga Ana Paula Bohnenberger, Tiffany Lastrucci
Cenografia e luz Roberto Gorgati
Paisagem sonora Dimi Camorlinga
Figurino Esha Sonia Veloso e Adriana Barreto
Música A Mulher Barbada - Adriana Calcanhotto
Texto Écrit avec la langue - Cosima Weiter
Referência O livro das ignorãças - Manoel de Barros (Record, 1993)
Agradecimentos aos tios da Camila, Cláudia e Volker Kuhlmann





Nenhum comentário:

Postar um comentário